Itapetininga/SP



A população do país deverá crescer até 2047, quando chegará a 233,2 milhões de pessoas. Nos anos seguintes, ela cairá gradualmente, até os 228,3 milhões em 2060. Essas são algumas das informações da revisão 2018 da Projeção de População do IBGE, que estima demograficamente os padrões de crescimento da população do país, por sexo e idade, ano a ano, até 2060.

Em 2060, um quarto da população (25,5%) deverá ter mais de 65 anos. Nesse mesmo ano, o país teria 67,2 indivíduos com menos de 15 e acima dos 65 anos para cada grupo de 100 pessoas em idade de trabalhar (15 a 64 anos).

Em relação à migração internacional, a projeção considerou a emigração da Venezuela para Roraima entre 2015 e 2022. Nesse período, migrariam para o estado cerca de 79,0 mil venezuelanos.

A taxa de fecundidade total para 2018 é de 1,77 filho por mulher. Em 2060, o número médio de filhos por mulher deverá reduzir para 1,66. Entre os estados, as maiores taxas de fecundidade serão em Roraima (1,95), seguido por Pará, Amapá, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, todos com 1,80. As menores deverão ser no Distrito Federal (1,50) e em Goiás, Rio de Janeiro e Minas Gerais, todos com 1,55. Já a idade média em que as mulheres têm filos é de 27,2 anos em 2018 e deverá chegar a 28,8 anos em 2060.

A revisão 2018 estendeu a Projeção da População para unidades da federação até 2060. Santa Catarina, que hoje tem a maior esperança de vida ao nascer para ambos os sexos (79,7 anos), deverá manter essa liderança até 2060, chegando aos 84,5 anos. No outro extremo, o Maranhão (71,1 anos) tem a menor esperança de vida ao nascer em 2018, condição que deverá ser ocupada pelo Piauí em 2060 (77,0 anos).

A projeção detalha a dinâmica de crescimento da população brasileira, acompanha suas principais variáveis (fecundidade, mortalidade e migrações) e projeta o número de habitantes do Brasil e das 27 unidades da federação, ano a ano, de 2010 a 2060. Esse estudo demográfico é realizado em parceria com órgãos de planejamento de quase todos os estados brasileiros e segue as recomendações da Divisão de População das Nações Unidas. O material de apoio da Projeção da População 2018 está à direita desta página.

Em 2060, população deverá voltar a patamar próximo ao de 2034

A população total projetada para o país em 2018 é de 208,5 milhões. Esse número crescerá até alcançar o máximo de 233,2 milhões em 2047. A partir desse ano, a população irá diminuir até atingir 228,3 milhões em 2060, nível equivalente ao de 2034 (228,4 milhões).

A taxa de fecundidade total (número médio de filhos por mulher) projetada para 2018 é de 1,77 filho por mulher, e deverá reduzir para 1,66 em 2060. A revisão 2018 mostrou que o envelhecimento do padrão da fecundidade é determinado pelo aumento na quantidade de mulheres que engravidam entre 30 e 39 anos e pela redução da participação de mulheres entre 15 e 24 anos na fecundidade em todas as grandes regiões do país.

Leia Mais

No total, 89% do público-alvo tomou a vacina contra a gripe neste ano. A meta é atingir 90% desse grupo. Crianças e gestantes tiveram a menor cobertura
Apesar da vacina contra a gripe ainda estar sendo ofertada, mais de seis milhões de pessoas do público prioritário deixaram de se proteger contra a doença este ano. A cobertura vacinal, após três semanas do fim da campanha, chegou a quase 89%. O índice, no entanto, ainda está abaixo da meta recomendada pelo Ministério da Saúde, que é de 90%. Gestantes e crianças continuam sendo os que menos procuram as salas de vacinação, com cobertura de 76,4% e 73,6%, respectivamente. Até o início da semana, 3,3 milhões de crianças e 493.710 grávidas não tinham se vacinado contra a gripe.
De acordo com o último Boletim Epidemiológico, divulgado nesta semana, 50,4 milhões de pessoas que fazem parte da população-alvo da campanha se vacinaram contra a gripe. Desse total, 20,2 milhões foram idosos; 4,4 milhões trabalhadores da saúde; 2,2 milhões professores; 358,9 mil puérperas e 643,3 mil indígenas. Todos esses públicos, atingiram a meta de vacinação.
Desde o último dia 25 de junho, os municípios que ainda tiverem vacinas contra a gripe disponíveis, puderam estender a vacinação também para crianças de cinco a nove anos e adultos de 50 a 59 anos. Nestes dois grupos, já foram aplicadas 997.182 doses, sendo 411.474 e crianças de cinco a nove anos e 585.708 nos com idades entre 50 e 59 anos.
“Foram dois meses de oportunidade exclusivamente para o grupo prioritário se vacinar. Agora, a recomendação é que as doses sejam disponibilizadas também para esses outros públicos”, destacou o ministro da Saúde, Gilberto Occhi.
VACINAÇÃO DA GRIPE POR REGIÃO
A região sudeste é a que tem menor cobertura vacinal contra a gripe até o momento, com 84%. Em seguida estão as regiões Norte (85%), Sul (90,3%), Nordeste (94%) e Centro-Oeste com a melhor cobertura, de 99,1%. Entre os estados, Goiás (106,6%), Ceará (104%), Amapá (100%), Distrito Federal (97,3%), Espírito Santo (96,5%), Pernambuco (95,3%), Tocantins (95,2%), Alagoas (94,1%), Minas Gerais (93,9%), Mato Grosso (93,7%), Maranhão (93,7%), Paraíba (92,8%), Rio Grande do Norte (92,3%), Sergipe (92%), Paraná (92%), Piauí (91,4%) e Mato Grosso do Sul (90,2%) atingiram a meta do Ministério da Saúde. Os estados com as taxas mais baixas de vacinação contra a gripe são Roraima, com 66,7% e Rio de Janeiro, com 75,6%.
Fonte: Ministério do Meio Ambiente

Leia Mais

édios e grandes agricultores aumentaram os investimentos na agropecuária na safra 2017/2018 na comparação com o ciclo anterior de financiamento. Os recursos alcançaram R$ 32,1 bilhões para o financiamento de bens e serviços, cuja repercussão se estende a safras futuras, registrando alta de 31% em relação à safra 2016/2017. O valor disponível era de R$ 38,1 bilhões.
A agropecuária empresarial teve disponibilizada, para safra 2017/2018, crédito oficial de R$ 188,4 bilhões, sendo que foram contratados, por produtores e cooperativas, cerca de 80% do total ou R$ 149 bilhões. O montante representa acréscimo de 13% em relação à safra anterior (2016/2017), quando foram aplicados no setor R$ 132 bilhões.
Programas de financiamento mais acessados pelos produtores rurais contribuíram para a modernização das atividades agropecuárias, por meio da expansão de investimentos voltados, principalmente, para a inovação tecnológica na propriedade rural, ampliação da capacidade de armazenagem e mitigação da emissão de gases causadores de efeito estufa.

Os destaques das contratações foram em programas, como Pronamp (102% ou R$ 3,8 bilhões), Inovagro (83% ou R$ 1 bilhão), ABC (74% ou R$ 1,6 bilhão) e PCA (66% ou R$ 1 bilhão).
Para o financiamento de custeio agropecuário foram emprestados R$ 80,3 bilhões. Quanto ao custeio agrícola, as culturas de soja e de milho representaram 42% e 13%, respectivamente. Na pecuária, a bovinocultura contratou 79% dos recursos de custeio, seguida pela avicultura e pela suinocultura, ambas com 8%.
Já para a industrialização, foram aplicados R$ 6,8 bilhões, concentrando 83% na região Sul. Para a comercialização, outros R$ 29,8 bilhões foram emprestados, sobretudo nas regiões Sul e Sudeste.
Os números fazem parte do estudo sobre Financiamento Agropecuário da Safra 2017/2018, realizado pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento divulgado nesta quinta-feira (12).
Fonte Governo Federal

Leia Mais

    Destacando que a ponte do “João Gordo” localizada na saída de bairros de grande produção agropecuária para a SP-127 está interditada para caminhões, em razão de uma viga estar comprometida, o vereador Marcos dos Santos Silvério apresentou requerimento, solicitando à Prefeita as seguintes informações: 1- Por que até a presente data não foi efetuada uma reforma na ponte? 2- Estamos solicitando a reconstrução imediata da mesma. 3- Outras informações julgadas pertinentes.

Leia Mais

    O vereador Waldemir de Barros está solicitando a instalação de placas de orientação de destinos no final da Avenida Cinco de Novembro, na bifurcação antes do Viaduto Júlio Orsi, tendo como finalidade identificar as vilas, bairros e outras localidades, bem como orientar os condutores de veículos quanto ao percurso e destinos a serem alcançados.

Leia Mais

   Chamando atenção para o fato de que a Vila Belo Horizonte é um dos bairros mais populosos de Itapetininga, e que ao seu redor existem as Vilas São Camilo, Jardim das Flores, Vila Carvalho e Jardim Casagrande, o vereador Miguel Arcanjo Máximo de Jesus apresentou requerimento, solicitando à Prefeita Municipal e à Secretária da Saúde um novo Posto de Saúde para suprir as necessidades da população da região.

Leia Mais

 

    Na tarde desta última quinta-feira, foi realizada, no Plenário Humberto Pellegrini, da Câmara Municipal de Itapetininga, a solenidade de posse dos alunos integrantes do Parlamento Jovem de Itapetininga, após eleição escolar, uma iniciativa do Legislativo, que teve a importante participação da DERITA. A posse, organizada pelo cerimonial da Câmara, seguiu o mesmo ritual de compromisso e posse dos vereadores. A solenidade, aberta pelo Presidente Antônio Etson Brun, teve execução do Hino Nacional Brasileiro, Confirmação de Presença, Termo de Compromisso e Posse, com entrega de certificado
    Foram empossados os seguintes vereadores jovens : Maria Eduarda Souza de Albuquerque, Gediel Teciano dos Santos Nunes, Matheus de Lima Grillo, Bianca Tavares de oliveira Alves Ramos, Luiz Otávio Ruivo Costa Série, Maria Helena de Oliveira Pereira, Naile Carolina Barbosa das Neves, Gabriel Kauan Bianchi de Almeida Leal, Ana Beatriz Vieira , Pedro Alexandre Proença Meira, Murilo Evangelista Pereira, Júlia da Silva Gonçalves, Daniel Lopes de Almeida Damas ,Gabriel Fernando Cardena Silva, Mariana Pardim da Silva, Gustavo Henrique Ribeiro Mendes, Caroline Aparecida Siqueira Harps e Ana Júlia Medeiros Nunes. Os suplentes  igualmente foram chamados e assinaram lista de presença. São eles : Juliana Silva Seraphim dos Santos, Rafaela da Rocha, Kalebe Ferreira Claro de Barros, Hadassa Vitoria Vieira Campos, Julia Moreira Figueiredo Série, Stefany Eduarda da Silva, Franciele Gomes de Moraes, Thiago da Silva Bicudo, Gustavo Pereira Leme, Vanessa Alves Martins, Igor Rafael de Oliveira Nalesso, Robson Feliciano de Oliveira, Mayra da Silva Oliveira, Ana Caroline Franco Carron, Emilly Ambrozini Barreto, Leonardo dos Santos Silva, Pedro Henrique Moura Vasconcelos e Maria Eduarda Ferreira dos Santos.
   Antes da eleição da Mesa Diretora, usaram da palavra o Presidente Antonio Etson Brun, a Coordenadora Pedagógica Profª Telma Riggio, representando a Dirigente Regional de Ensino, Profª Vera Lúcia Vianna Vieira de Paula e o vereador Eduardo Prando. Foram eleitos para a Mesa Diretora do Parlamento Jovem: Presidente-Maria Eduarda Souza de Albuquerque; Vice-Presidente- Naile Carolina Barbosa das Neves; 1º Secretário- Gediel Teciano dos Santos Nunes; e 2º Secretario- Gabriel Fernando Cardena Silva. O Presidente Antonio Etson Brun passou a condução dos trabalhos à Presidente do Parlamento Jovem, Maria Eduarda Souza de Albuquerque, que, ato contínuo, convocou os vereadores jovens para apresentação aos vereadores dia 16 de agosto, às 18.30 h e para a primeira sessão do Parlamento Jovem dia 23 de agosto, às 15 h. A solenidade foi encerrada com a execução do Hino de Itapetininga.

 

Leia Mais

    Nesta próxima quinta-feira, 21 de junho, às 15 h, será realizada, no Plenário Humberto Pellegrini, da Câmara Municipal de Itapetininga, a solenidade de posse dos alunos eleitos para o Parlamento Jovem de Itapetininga, escolhidos através de eleições diretas realizadas no âmbito das escolas participantes, através dos votos de seus alunos. O Presidente da Câmara Municipal de Itapetininga, Antonio Etson Brun destaca a importante participação da DERITA e convida toda a comunidade para o evento.

    Apresentamos abaixo a relação dos vereadores jovens eleitos, a serem empossados como integrantes do Parlamento Jovem e seus respectivos suplentes:

 

Escola

Aluno Titular

Aluno Suplente

Ano/Série

 

 

 

 

EE Abílio Fontes

Maria Eduarda Souza de Albuquerque

Juliana Silva Seraphim dos Santos

9º Ano B

EE Adherbal P.Ferreira

Gediel Teciano dos Santos Nunes 

Rafaela da Rocha Melo 

3 EM

EE Alceu Gomes

MATHEUS DE LIMA GRILLO

Kalebe Ferreira Claro de Barros

9º Ano A

EE Carlos Eduardo

Bianca Tavares de Oliveira Alves Ramos     

Hadassa Vitoria Vieira Campos                

9º Ano B

9º Ano A

EE Corina C. Barth

Luiz Otávio Ruivo Costa Série:

 Julia Moreira Figueiredo Série

9º Ano A

9º Ano B

EE Darcy Vieira

Maria Helena de Oliveira Pereira 

Sthefany Eduarda da Silva  

3 EM

9º Ano

EE Desembargador

Naile Carolina Barbosa das Neves

Franciele Gomes de Moraes

2 EM

EE Elisiário M Mello

Gabriel Kauan Bianchi de Almeida Leal

Thiago da Silva Bicudo

9º Ano A

EE Ernesta X. R.Orsi

Ana Beatriz Vieira Soares  

Gustavo Pereira Leme  

1 EM

EE Ernestina L. Miranda

Pedro Alexandre Proença Meira

Vanessa Alves Martins

9º Ano

EE Euriny de S. Vieira

Murilo Evangelista Pereira

Igor Rafael de Oliveira Nalesso

9º Ano

EE Jair Barth

Julia da Silva Gonçalves

Robson Feliciano de Oliveira

1A EM

 2 EM

EE Maria de Lourdes

Daniel Lopes de Almeida Damas

Mayra da Silva Oliveira-

3A EM

EE Modesto T. Lima

Gabriel Fernando Cardena Silva

Ana Caroline Franco Carron 

3B EM

2B EM

EE Peixoto Gomide

Mariana Pardim da Silva

Emilly Ambrozini Barreto

1 EM

EE Péricles Galvão

Gustavo Henrique Ribeiro Mendes

Leonardo dos Santos Silva

3 EM

EE Sebatião Pinto

Caroline Aparecida Siqueira Harps

Pedro Henrique Moura Vasconcelos

9º Ano A

9º Ano B

EE Sebastião Villaça

Ana Júlia Medeiros Nunes

Maria Eduarda Ferreira dos Santos

2B EM

9º Ano A

 

 

Leia Mais

    O vereador Uanderson Clayton de Oliveira Moreira está solicitando à Prefeitura Municipal de Itapetininga, o envio de ofício à empresa Vivo s.A., para que realize a limpeza e capinação da base central e torre de repetição, assim como manter trancado por cadeado a cabine de energia e alimentação elétrica, localizada à Rua Francisco de Souza Alves, 226, Distrito de Gramadinho, onde, conforme fotos anexas, está sendo usada por usuários de drogas e esconderijo a delinquentes. Está solicitando, também a instalação de braços de iluminação na Rua Antônio Paulino Seabra e Avenida João Tobias de Albuquerque, no Distrito de Gramadinho.

Leia Mais

    Lembrando que no ano de 2017 a Câmara Municipal de Itapetininga devolveu à Prefeitura de Itapetininga o importe de R$ 2.924.775,89, sendo R$ 1.500.000,00 em 8 de dezembro de 2017; R$ 1.357.097,36 em 21 de dezembro de 2017 e R$ 67.678,53 em 21 de dezembro de 2017, o vereador Marcus Tadeu Quarentei Cardoso, em requerimento subscrito também pelo vereador Eduardo Prando, está solicitando à Prefeita Municipal as seguintes informações : 1- Para onde foi destinado o valor devolvido ? 2- Informar para onde foi destinado e enviar comprovante do destino empenhado? 3- Mais informações julgadas necessárias.

Leia Mais